Aprendi a nadar aos 37 anos

Aprendi a nadar aos 37 anos

Sempre me disseram que a natação é um esporte completo, mas quando jovem, nunca tive interesse. Comecei, alias, aprendi a nadar aos 37 anos com minha filha mais velha. Hoje nado como Aline nada e a cada dia aumenta mais a minha certeza de que todos somos capazes, basta dedicar tempo ao que você planeja fazer e seguir executando com afinco. E simplesmente conseguimos.
E sim, a natação é um esporte completo e nosso corpo agradece o carinho que ela tem conosco.

A coragem para tentar nadar veio no dia 7 Janeiro de 2017, digo coragem porque muitas pessoas da minha idade acham que estão muito velhas para experimentar algo novo, mas entenda que nunca é tarde demais. Entrei na piscina, pedi aos meus filhos e meu marido que olhassem se eu estava nadando certo e tentei nadar 25 m. Quase morri de falta de ar, com direito a paradas no meio do caminho e quer saber a resposta deles? “Até que você está nadando direitinho”. Pedi para filmarem e também não achei tão ruim assim, mas hoje vejo o quanto estava ruim. 😂 😂 

2017 foi avançando sem pretensão de nadar como um peixe, queria apenas nadar de um lado ao outro da piscina sem pensar que ia morrer. Para mim era difícil pra caramba puxar o ar pela boca e ir soltando, aos pouco pelo nariz, embaixo da água. Eu já sabia que seria difícil, assim como foi muito difícil respirar e correr ao mesmo tempo, mas eu aprendi. Se eu aprendi a correr do zero com 36 anos, não tinha dúvidas que ira aprender a nadar do zero com 37 anos.

A natação além de ser super maravilhoso e traz para vida de corredores, diversos benefícios.


✔Não tem impacto, é ideal para ser usada como recuperação ativa na corrida;
✔Proporciona equilíbrio muscular, pois trabalha músculos estabilizadores, responsáveis pelo controle da força e energia utilizadas nas passadas durante a corrida;
✔Melhora a postura e a flexibilidade dos tornozelos;
✔Melhora a capacidade aeróbica, aumenta o volume pulmonar;
✔Promove a circulação e a flexibilidade muscular melhora, ajuda na reconstituição muscular das microlesões causadas por esportes de alta intensidade;
✔Requer maior gasto de energia, pois na água os músculos trabalham de cinco a seis vezes mais.

Comecei a correr em 2016, aprendi a nadar em 2017 e a bike chegou em 2019 para iniciar um novo ciclo em minha vida, mas isso é história para outro post. 

Nunca, nunca mesmo, pense que você está velho demais, gordo demais, cansado demais para começar algo. Apenas comece! Você verá que muitas crenças irão mudar e você se tornará uma nova pessoa. Com certeza melhor!


No Comments

Leave a Comment

Your email address will not be published.